Edição nº 1129 12.07 Ver ediçõs anteriores

A farra do agrotóxico continua

A farra do agrotóxico continua

O ritmo de liberação de pesticidas nas lavouras brasileiras já é o maior da história. Na segunda-feira 24, o Ministério da Agricultura aprovou o registro de 42 defensivos agrícolas, incluindo produtos de empresas como Dow Agrosciences, Bayer e Syngenta, que aguardavam liberação há quatro anos. As aprovações foram publicadas no Diário Oficial da União pelo Departamento de Sanidade Vegetal e Insumos Agrícolas da Secretaria de Defesa Agropecuária. Uma das novidades entre as liberações é o produto técnico Rinksor, da Dow, à base de Florpirauxifen-benzil, que é voltado para combater a infestação de plantas daninhas. É o primeiro novo ingrediente ativo aprovado em 2019. Outros 29 produtos autorizados são genéricos de princípios ativos já autorizados no País. Temendo represálias comerciais aos produtos brasileiros, a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), encabeçada pelo deputado Alceu Moreira (MDB-RS), entregou ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, um manifesto pelo desmatamento ilegal zero.No início do mês, uma rede varejista sueca anunciou que boicotaria produtos brasileiros por conta da liberação excessiva de pesticidas neste ano.

(Nota publicada na Edição 1127 da Revista Dinheiro)


Mais posts

1,2 trilhão de árvores para conter o aquecimento global

O plantio massivo de mudas de árvores em espaços que ainda não foram urbanizados ou tomados pela agropecuária pode ajudar o mundo na [...]

Terras indígenas e áreas de proteção ambiental em xeque na Amazônia

A expansão das atividades na Floresta Amazônica coloca em risco mais de ⅔ das reservas indígenas e de áreas protegidas, segundo um [...]

Frio aquecido

A Kroton, dona de bandeiras educacionais como Anhanguera, Fama e Unopar, fechou uma parceria com a Cruz Vermelha Brasileira para arrecadar doações de casacos, calçados, cobertores e outras roupas de frio, nos tamanhos adulto e infantil, que estejam em bom estado de conservação. A organização humanitária também aceita roupas e sapatos — especialmente nas regiões […]

Fundação Toyota lança EAD gratuito

A Fundação Toyota do Brasil, braço social da montadora multinacional japonesa Toyota, está comemorando 10 anos de existência. Para [...]

O mundo respira por aparelhos

Em dezembro de 2018, um relatório da organização Global Carbon Project, que foi produzido por 76 cientistas de 15 países, apontou que o [...]
Ver mais