Edição nº 1103 11.01 Ver ediçõs anteriores

A cópia tem um preço

A artista plástica Sônia Menna Barreto decidiu provocar o mercado de artes com seu quadro Chinatown. Nele, ela reproduz o livro “Rua de Paris em tempos de chuva”, de Gustave Caillebotte, de 1877, com um grupo de chineses de guarda-chuva, como se fossem franceses. A crítica da artista está relacionada à tradição chinesa de copiar e piratear obras de arte. Menna Barreto é a única brasileira a integrar a Royal Collection, que pertence à Família Real Britânica e é uma das coleções de arte mais importantes do mundo. Seu quadro está à venda por R$ 88 mil.

(Nota publicada na Edição 1086 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Bia Doria leva “Tropicaos” ao Palácio Tangará

A artista plástica Bia Doria, esposa do governador de São Paulo, João Doria, abre um novo espaço para exposições no Palácio Tangará, um [...]

Um leilão de arte em benefício da própria arte

As obras do colecionador e consultor David Teiger vão à leilão na Sotheby’s no próximo dia 15. Teiger, que morreu em 2014, fez parte do [...]

Tenha o seu próprio vinhedo

Produzir os próprios vinhos no quintal de casa é um privilégio para poucos, mas pode estar ao seu alcance, se você estiver disposto a [...]

Cartier relança coleção histórica

A Cartier divulgou a releitura de uma coleção que fez sucesso em 1975. Após 40 anos, as joias feitas para a atriz mexicana Maria Félix, [...]

Vem, meteoro! (Mas vem de BMW…)

Desta vez, a BMW foi longe demais. A montadora alemã buscou recursos no espaço para fazer o BMW Individual M850i xDrive Coupe Night [...]
Ver mais
X

Copyright © 2019 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.