Giro

A cada 4 empréstimos no Brasil, 1 é destinado a novos empreendimentos

Crédito: Pexels

24% das pessoas que buscaram crédito pretendiam usar valor para investir em novos negócios (Crédito: Pexels )

Empreender é o sonho de muitos brasileiros e levantamento realizado pela fintech Bullla, que conecta quem precisa de dinheiro com quem tem para emprestar por meio do modelo Sociedade de Empréstimos entre Pessoas (SEP),  mostra que a busca por crédito para empreender vem sendo o motivo de uma a cada quatro solicitações de empréstimos entre pessoas físicas.

+ Febraban: bancos reduzem projeção de alta da carteira de crédito em 2022



Segundo a plataforma de conteúdo Bússola, o estudo revela que 24% das pessoas que buscaram crédito na fintech entre setembro e novembro de 2021 declararam a intenção de utilizar o valor para investir na empresa ou em novos negócios, sendo que cerca de 14% é utilizado foram para empresas já estabelecidas e 10% na criação de novos negócios.

“Os pequenos empreendedores estão cada vez mais buscando opções de crédito de forma online, rápida e mais atrativa em relação às disponíveis nas instituições financeiras tradicionais”, afirma Marcelo Villela, CEO do Bullla, conforme a Bússola.

Na sequência vem gastos com consumo com cerca de 21% do total dos pedidos feitos. Neste grupo, o crédito é usado para reforma ou mudanças e alteração da relação com o lar.

+ Especialista revela o segredo dos bilionários da bolsa. Inscreva-se agora e aprenda!


Além disso, muitos brasileiros buscaram essa modalidade de crédito para o pagamento de dívidas, com 14,9% declarando a intenção de quitar dívidas contraídas anteriormente.