Estilo DINHEIRO

A Amazônia em chamas e o deserto nordestino

O mundo todo está apreensivo com os focos de incêndio que consomem a Floresta Amazônica, uma situação alarmante como poucas vezes se viu. Enquanto a mata arde, porém, o Nordeste vira deserto. É o que indicam estimativas do Laboratório de Análise e Processamento de Imagens e Satélites (Lapis), ligado à Universidade Federal de Alagoas.

Nas contas do Lapis, 13% do semiárido brasileiro estão se transformando em área desértica, que já soma 126 km² de uma área total de 982,5 km² da caatinga, o único bioma exclusivamente brasileiro. Cerca de 31,7 milhões de brasileiros vivem em regiões suscetíveis à desertificação.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?