Geral

CNN: Aston Martin vai refazer modelo usado por ‘James Bond’. Incluindo os gadgets

Você pagaria cerca de US$ 3,5 milhões  por um carro que não poderá ser dirigido em vias públicas? DA CNN. Dez meses atrás, a Aston Martin anunciou que iria construir um número limitado de 1964 Aston Martin DB5s , assim como o dirigido por Sean Connery, como James Bond, no filme “Goldfinger“. Vinte e cinco desses carros serão vendidos a um preço de £ 2,75 milhões, ou cerca de US$ 3,5 milhões. Cada carro incluirá uma série de gadgets, assim como os do filme, disse a Aston Martin. A Aston Martin finalmente anunciou quais serão alguns desses gadgets. Os carros terão, entre outras coisas, placas rotativas que podem mostrar três tags diferentes e metralhadoras de réplica que saem de trás das naternas traseiras. Haverá ainda um dispositivo de “cortina de fumaça” para esconder o carro de perseguidores e um esguicho de óleo para liberar uma mancha de óleo imaginária atrás do carro. No caso de tudo isso não ser suficiente, o carro terá arietes extensíveis nas partes dianteira e traseira. Não se falou de planos para incluir um assento ejetor, algo que o carro teve no filme, mas “pode ​​haver uma surpresa ou duas quando você operar o botão do assento ejetor”, disseram representantes da Aston Martin em um e-mail.

Os carros estão sendo construídos nas instalações da Aston Martin em Newport Pagnell, em Buckinghamshire, a 90 minutos de Londres (Inglaterra), a mesma fábrica onde os DB5s foram originalmente feitos. Agora a planta é dedicada principalmente a restaurar os modelos clássicos da Aston Martin. A principal fábrica da empresa hoje fica em Warwickshire. Estes serão “carros de continuação”, o que significa que, apesar de recém-construídos, eles serão exatamente como os DB5s de 1964 em quase todos os aspectos, exceto os aparelhos de fantasia. Todos serão feitos na mesma cor, Silver Birch. Essa é, claro, a cor do carro do filme.

O preço pode parecer alto, mas é uma pechincha comparado a um dos carros reais usados ​​no filme. Um comprador anônimo pagou US$ 4,6 milhões em 2010 por um desses. O único outro carro completo usado nos filmes de James Bond foi roubado em 1997 e seu paradeiro é desconhecido, de acordo com a Hagerty Insurance, empresa que faz seguro de carros colecionáveis.
A criação desses carros representava um desafio ainda maior do que fazer carros para os filmes, já que diferentes carros ou partes de carros eram usados ​​para filmar diferentes tomadas. Nessas novas réplicas, todos os dispositivos devem ser feitos para funcionar em um único automóvel que pode realmente ser conduzido. Mas esses novos carros carregados de gadgets não serão legais para dirigir em estradas públicas, disse a Aston Martin.