Edição nº 1031 11.08 Ver ediçõs anteriores

Republicanos contra o pessoal de humanas

Republicanos contra o pessoal de humanas

Um grupo de 70 cientistas da área de ciências humanas esteve no Congresso americano, ao final de março, para convencer a nova administração a manter os financiamentos de suas pesquisas. O governo de Donald Trump, de maioria republicana, sinalizou que fará cortes em áreas como linguística, antropologia e ciências políticas.

Os republicanos querem direcionar 70% dos recursos da National Science Foundation, uma das mais importantes fontes de financiamento científico do país, para apenas quatro ramos de pesquisa das áreas de exatas e biológicas. Na visão republicana, o dinheiro deve ser usado em pesquisas “úteis” e alinhadas aos interesses nacionais. Estudos que ressaltem os problemas e contradições da sociedade americana não se enquadram nessa definição.

(Nota publicada na Edição 1015 da revista Dinheiro)

Mais posts

Como transformar riqueza em bem estar

O sucesso econômico de uma nação é medido, primordialmente, pela taxa de crescimento do PIB. Em tese, quanto maior, melhor. Mas o [...]

Eficiência e leveza

Num daqueles momentos “como ninguém pensou nisso antes”, a empresa britânica de design Tochi Tech desenvolveu uma forma de tornar as [...]

O caminho da intolerância

O governo de Israel anunciou que deve tomar medidas para banir a rede de TV árabe Al Jazeera do país. Os israelenses acusam a emissora, [...]

Teto solar

A Tesla, fabricante de carros elétricos fundada pelo bilionário sul-africano Elon Musk, deu início às instalações de seus telhados [...]

Investidores preocupados com o clima

Segundo pesquisa da consultoria EY, a preocupação com os dados ambientais das empresas é crescente entre os investidores. De um total [...]
Ver mais