Edição nº 1020 26.05 Ver ediçõs anteriores

O Brasil de dieta

O Brasil de dieta

O governo brasileiro assumiu um compromisso para frear o crescimento da obesidade no País. Durante evento realizado pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), em Brasília, o Ministério da Saúde anunciou que pretende reduzir em 30% o consumo de refrigerante na população adulta e ampliar em 17,8% o porcentual de pessoas que consomem frutas e hortaliças regularmente, até 2019.

Segundo a OPAS, o excesso de peso tem aumentado em toda a América Latina. A obesidade ou o sobrepeso afeta 7,2% das crianças menores de cinco anos na região, o equivalente a 3,9 milhões de meninos e meninas. No Brasil, o porcentual é o mesmo. Para atingir o objetivo, a ideia é levar mais informações às pessoas, inclusive nos rótulos, restringir a venda de alimentos pouco saudáveis nas escolas e definir políticas fiscais que favoreçam os nutrientes saudáveis.

(Nota publicada na Edição 1010 da Revista Dinheiro)

Mais posts

Brasília ameaça florestas

A crise política brasileira pode atrapalhar o desenvolvimento de um grande negócio para o Brasil: os créditos de carbono. Essa é a [...]

Luz para todos

O campo de refugiados de Azraq, no deserto da Jordânia, se tornou o primeiro a contar com uma usina de energia solar, com capacidade [...]

Notícias negativas

A emissora americana Fox News está envolvida em uma série de acusações de assédio sexual e discriminação racial. Na semana passada, [...]

Um dia da caça…

O caçador sul-africano Theunis Botha, dono de uma das maiores companhias de safári da África, morreu após ser atacado por um elefante [...]

O custo dos desastres

Um estudo elaborado pelo Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas (PBMC) mostra que os desastres naturais, como secas, enchentes e [...]
Ver mais