Edição nº 1036 15.09 Ver ediçõs anteriores

Gestor de fundos imobiliários questiona taxas cobradas pelo Credit Suisse

André Freitas, da Hedge Investments, solicita convocação de assembleia para reduzir taxas de 1,5% para 0,6%

Gestor de fundos imobiliários questiona taxas cobradas pelo Credit Suisse

André Freitas é fundador da gestora Hedge Investimentos

A corretora Credit Suisse Hedging-Griffo, ligada ao banco Credit Suisse, recebeu, na quinta-feira 10, uma solicitação de cotistas do fundo imobiliário CSHG Brasil Shopping. Os cotistas querem propor a redução da taxa de administração do fundo, hoje em 1,5%, para 0,6%. Eles são representados pela gestora Hedge Investimentos, fundada por André Freitas, ex-sócio do Credit Suisse, e especialista em fundos imobiliários.

Na carta enviada à administradora, Freitas argumenta que o fundo CSHG Brasil Shopping é, atualmente, o que cobra a segunda maior taxa de administração, considerando-se os 30 fundos mais relevantes que compõe o Índice de Fundos Imobiliários da B3 (Ifix). “Nos mais de dez anos desde a criação do fundo, o mercado de fundos imobiliários evoluiu e passou por diversas mudanças”, escreveu Freitas.

O segundo lugar é ocupado pelo BC Fund, gerido pelo BTG Pactual. Segundo informações na página do fundo na internet, são cobrados 1,5% de remuneração à gestora e 0,25% de remuneração à administradora, em um total de 1,75%.

Na carta, Freitas argumenta que as taxas de administração mais elevadas faziam sentido em um cenário de juros referenciais de 14,25% ao ano. No entanto, argumenta, com a perspectiva de uma Selic encerrando o ano a 7,5% ao ano, esse percentual está elevado.

No fato relevante, a Credit Suisse Hedging-Griffo informa que vai avaliar o assunto e, oportunamente, vai divulgar sua decisão ao mercado. Na sexta-feira 11, as cotas do fundo, negociado sob o código HGBS11, fecharam com alta de 0,8% a R$ 2.168.


Mais posts

Saída de Maria Silvia do BNDES já era esperada, diz analista

Já era esperado o pedido de demissão de Maria Sílvia Bastos Marques da presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e [...]

Queda da inflação eleva ganhos do Tesouro Selic

Rentabilidade real pode ser a maior desde 2008, apesar da redução dos juros pelo Banco Central

Real liderou entre os latinos em 2016

No ano  passado, o dólar teve a maior apreciação dentre as principais moedas latino-americanas; peso argentino teve [...]

Os analistas de ações merecem seus salários?

Em sua edição de número 948, que chegou às bancas na última semana de 2015, DINHEIRO publicou sua tradicional edição “Onde Investir em 2016”. A revista fez uma pesquisa junto aos analistas de mercado para saber quais as ações recomendadas para o ano. Repetindo o padrão, foram pedidas nove sugestões. Três ações de baixo risco, […]

Trump x Trump, o candidato e o presidente

O que o discurso da vitória indica, e o que muda para o Brasil 
Ver mais