Agronegócio

Cutrale confirma pagamento de participação a 1.600 contratos da safra 2015/2016

Ribeirão Preto, 17/2 – A Cutrale confirmou nesta sexta-feira, 17, o pagamento da parte variável de contratos de entrega da fruta da safra 2015/2016, referente à participação na venda do suco no mercado internacional ao longo do ano passado. A medida foi antecipada em 6 de fevereiro pelo Broadcast Agro, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado. Segundo a companhia, “foram pagos mais de 1.600 contratos”, mas os valores, volumes de fruta e as condições do negócio não foram informados. “Os valores e condições de compra são restritos entre as partes, variam muito em função da taxa de câmbio por ocasião da entrega das frutas em cada contrato, que ocorreram entre os meses de junho de 2015 até março de 2016”, relatou a empresa em nota ao Broadcast Agro. Segundo fontes, a companhia desembolsou entre US$ 0,36 e US$ 0,72 por caixa (de 40,8 kg). Na negociação do contrato, em 2015, a Cutrale havia feito adiantamentos entre R$ 12 e R$ 14 por caixa. Na safra anterior (2014/2015), a companhia antecipou entre R$ 8 e R$ 10 por caixa de fruta entregue para o processamento. Mas os preços no fechamento do contrato, em fevereiro de 2016, ficaram abaixo desses valores e houve um débito de até US$ 0,50 por caixa da fruta dos produtores com a Cutrale. No entanto, o valor foi perdoado pela empresa, que apostava na prioridade que os produtores dariam à Cutrale em novos contratos da safra 2016/2017, marcada pela escassez da fruta e pelos estoques de suco em queda.