Edição nº 1036 15.09 Ver ediçõs anteriores

O céu de US$ 14,8 bilhões de Murdoch

O céu de US$ 14,8 bilhões de Murdoch

O megaempresário das comunicações Rupert Murdoch, dono do grupo americano 21st Century Fox, propôs, na semana passada, pagar US$ 14,8 bilhões para adquirir a totalidade das ações da Sky, serviço de TV por assinatura do Reino Unido. Com a compra, a Fox, que hoje detém 39,1% das ações, teria a possibilidade de levar para o Velho Continente canais como Fox News e FX. Líder na Europa, onde possui 21 milhões de assinantes, o serviço britânico avisou aos acionistas que aceita a proposta, que deve ainda ser aprovada pelas autoridades até janeiro de 2017. A investida de Murdoch reflete o movimento de consolidação do setor, que luta contra o crescimento de empresas de tecnologia como Netflix e Amazon. Há um mês, a americana AT&T, por exemplo, anunciou uma oferta para comprar, por US$ 85,4 bilhões, a Time Warner, que reúne canais como DC Comics, HBO, CNN e Warner Bros.

(Nota publicada na Edição 998 da Revista Dinheiro)


Mais posts

O megaataque hacker

A Equifax, uma das três maiores empresas de gestão de crédito dos Estados Unidos, foi vítima de um gigantesco ataque hacker que expôs [...]

O jogo de Bezos

Jeff Bezos quer intensificar os trabalhos da Amazon Studios, o braço cinematográfico de sua companhia. Segundo o site de notícias [...]

Desigualdade digital

Brasil conta com mais da metade de suas moradias com acesso à internet, mas números mostram que falta incluir classes mais pobres:

Ataque à Bitcoin

Conhecido por ser contra o uso da Bitcoin, Jamie Dimon, CEO do banco americano JPMorgan Chase, afirmou na última semana que a moeda [...]

Resposta instantânea com Santiago Sosa, CEO da NuvemShop

Qual a sua avaliação do atual momento do comércio eletrônico brasileiro? O e-commerce no Brasil está no melhor momento da história. [...]
Ver mais